Arquivo | Y.A Books RSS feed for this section

Resultado Promoção Percy Jackson e Os Olimpianos – Ladrão de Raios

19 abr

Finalmente chegou o resultado da promoção do Ladão de Raios :)  Desculpa estar postando tarde assim, é que eu acabei de chegar de escola! Bom, vamos ao que interessa então!!

A primeira sorteada de hoje leva um exemplar do primeiro volume da Série Percy Jackson e Os Olimpianos ‘ O Ladrão de Raios’. A sortuda é a Jessica Polato !!! Parabéns querida!! (continue lendo)

E a segunda sortuda de hoje, que vai levar um marcador de ‘Fallen’, um marcador de ‘ A Cidade dos Ossos’ e um livreto de ‘ A garota da capa vermelha’ é a Erica Martins.


Meninas, vocês têm 2 dias para me mandar um e-mail (dalbomgigi@hotmail.com) com os dados de vocês (endereço). Caso eu não receba um e-mail em 2 dias haverá outro sorteio ok??

Fiquem ligados porque eu já estou bolando um novo sorteio, acho que ainda no feriado eu posto aqui!!

Anúncios

Resenhando ‘Destino’ por Ally Condie

16 abr

‘Destino’ era para mim o lançamento mais esperado do ano. Há tempos via ótimas resenhas sobre ele em blogs, mas acabei resistindo à vontade de comprar em inglês (Matched) porque eu sempre acabo não lendo. Finalmente ‘Destino’, o primeiro volume da Trilogia Matched foi lançado no Brasil pela editora ‘Suma das Letras’, e apesar de eu ter garantido minha cópia na pré-venda, só tive tempo de lê-lo essa semana!


Eu nunca fui muito fã de sci-fi (ficção cientifica), tanto é que abandonei ‘ Feios’ no penúltimo capítulo e até hoje não retomei a leitura xD. Mas com ‘Destino’ foi totalmente diferente. Eu li o livro em 5 horas (divididas num período de dois dias), e se não fosse o cansaço que uma leitura trás ao cérebro teria lido mais rápido.

‘Destino’ conta a vida de uma adolescente chamada Cassia . A estória se passa no futuro, então várias coisas são diferentes da nossa realidade. Lá não existe um governo, império, reinado ou qualquer coisa do tipo, é uma Sociedade que cuida para que tudo dê certo na vida das pessoas. A Sociedade decide o que eles comem, com quem e quando eles casam, com quantos anos têm filhos, onde moram, onde e com o que trabalham, quando estudam, quando têm tempo livre, enfim. Tudo é decidido por meio de estatísticas e estudos sobre cada pessoa. As comidas por exemplo não podem ser divididas pois cada pessoa recebe em sua casa, todo dia no mesmo horário, a quantidade e os nutrientes exatos para que seja totalmente saudável. As doenças foram eliminadas e a violência também, ninguém mais morre por conta dessas coisas. Cada um tem uma habilidade em que se destaca, e é exatamente com isso que vai trabalhar, numa posição que a Sociedade vai escolher. Todos morrem com a mesma idade, no dia de seu aniversário para que não vivam de mais ou de menos. Tudo é planejado para que seja perfeito, saudável e sem erros, até que um erro acontece com Cassia.

Depois de descobrir quem seria seu par para o resto da vida, Cassia resolve ver o cartão que contém as informações de seu par um dia à noite, só que o rosto de outra pessoa aparece, e ela acaba ficando confusa. A Sociedade cometeu um erro e mexeu com a cabeça de Cassia. A menina que aceitava tudo que a Sociedade fazia de boca fechada, acreditando que era o melhor para ela, começa a pensar por si mesma, e acreditar que talvez, aquelas coisas não sejam o melhor para ela.

O livro me fez refletir muito, pois mostra o mundo de uma maneira que poderia facilmente ser daqui umas gerações. Faz uma comparação que nos faz perceber que um sistema controlado é bom, mas precisa haver liberdade. Alguém que te ajude a fazer escolhas é agradável, mas você precisa ser livre para fazer as suas PRÓPRIAS escolhas também. Sugiro que junto com a leitura, você faça uma reflexão, comparando sua vida com a de Cassia. Ela sente-se rebelde e realizada ao fazer coisas que para nós são mais do que naturais. Cheguei a ter dó dela em certos momentos.

A autora soube exatamente como escrever esse livro. Criou um mundo complexo e fácil de entender ao mesmo tempo. Ally Condie tem uma escrita praticamente poética, que faz a leitura fluir muito facilmente. O modo como ela escreve esse livro é leve, sem maldade, e isso me fez sentir uma calma muito gostosa enquanto lia-o.

Achei muito interessante o lance dos comprimidinhos que o pessoal carrega. Tem uma verde um azul e um vermelho, mas vocês só vão descobrir para que eles servem quando lerem o livro :) .

O livro é dez, a autora está de parabéns pela imaginação e escrita dela, e a Editora Suma Das Letras está de parabéns pela edição, tradução, enfim, por todo o trabalho com o livro. Eu simplesmente me apaixonei por essa capa, linda, maravilhosa, perfeita *-*.

Realmente espero que vocês gostem desse livro tanto quanto eu gostei, e aproveitem essa leitura tanto quando eu aproveitei. 

Não deixe de comentar nos posts!! E se você ainda não é um assinante, cadastre seu e-mail no espaço ‘E-mail Subscription’ na barra de ferramentas ao lado >> é totalmente gratuito, assim você vai receber todas as atualizações do blog no seu e-mail.


Diamonds Ofertas do Dia!!

4 abr

 

Heyy queridos, volteii aqui para o segundo post do dia!! Achei umas promoções muitoo boas hoje no submarino, todas de livros que eu estou babando para ter na minha prateleira e tenho certeza que você também está se já não tiver comprado hahaha.

A pré-venda de Firelight da Sophie Jordan está de R$39,90 por R$29,90  *-*

http://www.submarino.com.br/produto/1/23805399?WT.mc_id=destlivros&WT.mc_ev=click

Quem aqui está louco há tempos por esse lançamento levanta a mãoo \o/

 

Interligados #1 da Gena Showalter de R$39,90 por R$29,90

http://www.submarino.com.br/produto/1/23811187/pre-venda:+interligados:+aden+stone+e+a+batalha+contra+as+sombras

Não sei porque está constando como pré-venda já que esse livro já está na livraria há tempos, mas tudo bem haha :)

 

Interligados #2 da Gena Showalter de R$44,90 por R$34,90

http://www.submarino.com.br/produto/1/23810896/pre-venda:+interligados:+aden+stone+contra+o+reino+das+bruxas

Esse sim é pré-venda, o segundo volume da série *-*  Essa coleção deve ser MUITO boa !

 

Espero que aproveitem as promos queridos!

Não deixe de comentar nos posts!! E se você ainda não é um assinante, cadastre seu e-mail no espaço ‘E-mail Subscription’ na barra de ferramentas ao lado >> é totalmente gratuito, assim você vai receber todas as atualizações do blog no seu e-mail !

 


Inside Girl by J. Minter

28 mar

Há tempos que eu não lia uma literatura tão leve, doce, gentil e descontraída como ‘Inside Girl’.

Desde a primeira vez que eu vi esse livro tive vontade de ler, lembro que me apaixonei pela capa e me interessei bastante pela história. Acabou que peguei emprestado de uma amiga minha e fiquei com o livro por mais de um mês, até que conseguisse arranjar um tempo para ler. Me arrependo de não ter começado antes. Demorei umas três horas para ler o livro, e foi a leitura mais relaxada que fiz nos últimos tempos.


 

 

Flan Flood é um nome que me lembra muito de doce.. Flan é o nome de um danone ou algo assim não é? E Flood, totalmente lembra food-comida. E a menina realmente faz jus ao nome doce que tem, ela é uma meiguice só. Super boazinha, preocupada com os amigos e com a reinvenção de sua vida, Flan é uma protagonista muito criticada por aí. Muitas blogueiras dizem que ela é sem graça, sem sal nem açúcar, mas eu realmente gostei dela. Acho até que me identifiquei com ela (espero que isso não faça de mim uma pessoa sem sal nem açúcar  xD ).

‘Inside Girl’ é uma ‘Gossip Girl’ menos glamorosa, mais leve, infantil, despretensiosa. Achei uma leitura muito gostosa e boa para dar uma relaxada desse monte de leituras cheias de vampiros, sangues, lobos, assassinatos e coisas pesadas. Era exatamente o livro que eu precisava para o meu fim de semana!

A única coisa que eu gostaria de comentar é o seguinte: muitas blogueiras falaram mal do livro até não poder mais, pelo fato de a escola pública ter escada rolante, e as pessoas que estudam lá não serem realmente pobres e blá blá blá. Gente, só porque a menina saiu de sua escola de patricinhas nojentas e podres de rica e foi para um colégio público, não quer dizer que ela trocou sua vida glamorosa para conviver com pessoas pobres, ninguém nunca mencionou isso no livro. A menina só queria ser mais normal, e não viver em boates, festas e compras no alto de seus 14 anos. Nos EUA, escolas públicas são frequentadas por pessoas que têm dinheiro também e a infraestrutura não é um merda que nem a das nossas escolas públicas. Lá ensino público tem qualidade e a maioria das escolas publicas são tão bonitas, arrumadas e organizadas quanto as particulares, #fikdik. Além do exagero que rola quanto à badalação e riqueza da menina, fora isso, tudo OK.

É uma situação realmente surreal, mas eu indico o livro tendo você 12, 14, 16 ou 20 anos, acho que se você quer relaxar e ler algo que não te faça pensar muito, nem sentir raiva, apreensão, tensão ou qualquer coisa do tipo, esse livro é perfeito.

Espero que gostem e façam boa leitura de ‘ Inside Girl’ :) .

 

Maratona Diários do Vampiro #3 ‘ A Fúria’ by L.J. Smith

4 fev

O melhor livro da série até agora foi esse, sem sombra se dúvidas. Perdoem minha empolgação, mas eu terminei de ler o livro faz dois minutos. As resenhas que escrevemos logo que acabamos de ler o livro normalmente são as melhores, por que a estória está toda fresquinha na cabeça e a animação, perplexidade, felicidade, seja qual for a emoção que o livro te causou, está no auge. Então a primeira coisa que eu tenho para dizer é:

Como assim esse final? Aconteceu uma coisa que eu não estava esperando, que eu nunca nem tinha pensado que poderia ser uma opção de final para esse livro. Foi um final muito absurdo mesmo, que até me deixou sem pista alguma sobre como vai ser o próximo volume da série.  Estou perplexa. Portanto, se você pensa que sabe como isso vai acabar, você está TOTALMENTE errado.

Passando de assunto. Quantaaa coisa acontece nesse livro gente, é para parar e pensar mesmo enquanto lê. Muitos acontecimentos desvairados, um bem seguido do outro. Vou dizer que estava achando essa série bem parada, sem muita emoção, mas esse terceiro volume definitivamente compensou os dois anteriores. A Elena começa meio enlouquecida, não parece a mesma personagem, até o Stefan mudou, me fazendo ficar bem indecisa sobre para qual time estou torcendo, embora o lindo do Damon não seja fácil de substituir.

Não sei se vocês se lembram de que na resenha do segundo volume, eu perguntei se a Elena ia acabar como a Katherine, mas o que deu no final foi que elas acabaram de um jeitinho bem parecido mesmo viu! E foi aí que me surpreendi. Não, eu não estou dando spoiler, até porque eu DU-VI-DO que você saiba o que realmente aconteceu daquela história toda que o Stefan contou #adoro.

Depois de ler ‘A Fúria’, e ver esse final, estou meio em dúvida se a série vai continuar sendo a mesma, e isso só está aumentando minha curiosidade de continuar lendo.

Aaaa, antes que eu me esqueça, tem gato novo no pedaço, mudança de personalidades, muito amor, o dobro de ódio e matança, mas assim, carnificina mesmo #argh.

Eu estou louca para terminar de ler a série, e tenho certeza que depois de tanto ler sobre o final desse volume, você está super curioso (a) para ler também. Outra coisa que eu queria era assistir a série, mas eu normalmente fico morrendo de dó de gastar dinheiro em DVDs ao invés de livros, então vou me contentar com os livros, é a vida!

Leiam leiam e leiam e me falem o que vocês acharam :)

Não esqueça de assinar a Newsletter ( aqui do lado >> ) e ativar o blog no seu RSS (aqui do lado também >> ) para não perder as atualizações! :) E para compartilhar em outras redes sociais basta clicar em Leave a Comment ( aqui embaixo) que vai aparecer os plugins para todas as redes !!  s2



Maratona Diários do Vampiro by L.J. Smith

24 jan

Se você ainda não leu a primeira resenha da Maratona Diários do Vampiro, clique aqui

Depois de uma pausinha básica no blog por conta da minha viagem, voltamos com a Maratona Diários do Vampiro!

Vou confessar para vocês que demorei mais do que devia/esperava para ler esse livro, mas sinceramente não acho que tenha sido por que o livro é ruim, ou a leitura não flui fácil nem nada. Eu não cumpri com as minhas metas mesmo, uma vez que eu me prometi que iria ler pelo menos 15 páginas por dia enquanto estivesse viajando e acabei nem pegando no livro em alguns dias :/ mas tudo bem, o que importa é que terminei e aqui estamos com a resenha :)


Falando agora sobre o livro, quero primeiro fazer um comentário sobre uma característica dessa série que eu gosto muito, os livros sempre começam onde o anterior terminou, por exemplo, o primeiro volume acabou com Elena gritando por Damon, e o segundo começou com ela exatamente no mesmo lugar, ainda gritando por Damon. A mesma coisa acontece com o final do segundo e o começo do terceiro, eu a-do-ro isso por duas razões:

1 – Sinto que não perdi exatamente NADA, nenhum momento, detalhe da estória, isso dá uma sensação de realidade que nenhuma outra técnica dá, além de não ter aquela chatisse de começar um livro e sentir que te esconderam alguma coisa que aconteceu entre o final do livro anterior e o começo desse.

2 – Geralmente, os livros que são assim, não ficam com aquela coisa irritante de explicar no começo, tudo o que o rolou no volume anterior, se eu estou lendo o segundo,é porquê li o primeiro ué!

Os acontecimentos desse segundo volume me agradaram muito mais que os do primeiro, pois eles foram mais tensos, interessantes, não foram sem graça e bobinhos como os do primeiro livro. Quando á Elena e seus dois príncipes da noite, quero fazer uma confissão, no momento eu sou Team Damon. Esperem, não me julguem, por que a gente não pode torcer para o garoto mau ? Com Stefan, a vida de Elena vai ser chata, chocha, monótona;  para que ficar com um vampiro então ? Agora, com Damon, a vida de Elena será agitada, emocionate, cheia de adrenalina e matança, juntos, ele podem ter os poderes que quiserem, e dominar tudo, a série seria muitoo mais interessante. Mas não estou dizendo que isso não pode mudar, eu posso muito bem me tornar Team Stefan se o gatinho resolver mudar suas atitudes ;) .

Esse triângulo amoroso com certeza ainda vai dar o que falar, quero só ver, será que Elena vai acabar como Katherine ? tchantchantchantchaaan…

Quero registrar aqui que eu continuo odiando a Caroline, ela é asquerosa, falsa, nojenta; não é uma menina má que mereça nossa atenção!

Eu não achei que esse livro teve o foco em um personagem em específico, mas já adianto que o terceiro tem, e dependendo de seu gosto para personagens, isso pode te desagradar um pouquinho xD ! Veremos.

Deixo uma dica, preste atenção nos detalhes e nos acontecimentos que ficam sem resolução nesse volume!

Estou terminando o terceiro livro já, vou tentar dar um gás aqui! :)

Desculpem minha loonga ausência nesse último mês, prometo só sumir de novo no próximo feriado xD!

Não esqueça de assinar a Newsletter ( aqui do lado >> ) e ativar o blog no seu RSS (aqui do lado também >> ) para não perder as atualizações! :) E para compartilhar em outras redes sociais basta clicar em Leave a Comment ( aqui embaixo) que vai aparecer os plugins para todas as redes !!  s2


Strange Angels #1 – Lili St. Crow

27 dez

Antes de escrever essa resenha, e até de terminar o livro, pesquisei na internet outras resenhas sobre ele, e eu simplesmente encontrei de TUDO! Eu estava meio confusa sobre o que estava achando do livro, e resolvi ver se mais alguém tinha ficado que nem eu. A resposta é sim! Esse livro tem tanto aspectos bons quanto ruins, e se você pesa tudo, no final acaba rolando um equilíbrio, então vamos lá!


Quando eu comecei esse livro, estava bem desanimada por conta de algumas coisas que eu tinha lido sobre ele, então, se você ainda não leu, presta bastante atenção nessa resenha, e mantenha a mente aberta para ler e fazer seu próprio julgamento sobre ‘Strange Angels’. Estou dizendo isso porque apesar de algumas coisas, eu adorei o livro, de verdade, é um ótimo livro, a partir do momento que você esquece tudo o que falaram de mal sobre ele.

Dru, essa é a personagem principal do livro, é ela que conta a estória, então é realmente importante que ela seja uma ótima personagem. Eu curti ela, não é uma menina mimadinha toda girly e chatinha, mas também não é nenhum ogro. Eu vi gente comparando Dru com a Anita Blake,  Rose, Katniss e tudo mais, a menina é realmente genial, ela tem um lance de responsabilidade e sabe se virar sozinha, mexe com tudo o que é arma e enfrenta umas coisas bem estranhas. MAS, ela é meio insegura e confusa, o que leva á inumeras divagações. A menina está no meio de uma cena super tensa, ou no meio de uma conversa, com uma pessoa esperando uma resposta dela, e ela começa a viajar, lembrar de coisas, ou começa aquele blablabla interno sabe? Irrita um pouco, porque normalmente ela dá muitoooos detalhes da cena em que ela está nessas divagações dela. STOP. Tem gente que amaaaa uma montanha de detalhes e divagações da personagem principal, então para e pensa, só porque isso ME irrita, não quer dizer que também TE irrita! PLAY. Tirando isso, ela é realmente bem legal. E eu devo confessar que pulei umas divagações, não me julguem, eu só queria gostar da Dru, precisou esse empurraõzinho!  xD

O livro tem um romance gente – não diga – o que não é muita novidade desde que todos os livros passaram a ter ação, suspense, romance, criaturas do mundo fantástico, meninas inseguras, lobos, vampiros, coelhos, taturanas, lhamas e tudo o que é coisa misturada. Mas tem uma coisa bem legal nesse romance. Os personagens não sabem que ele existe, quem lê o livro percebe o clima, mas os personagens não, e nas poucas vezes que percebem, fingem que não perceberam. E chega até a ter um triângulo amoroso gente, mas como o romance não é bem o centro do enredo, não fica cansativo!

Mais uma coisinha que me irritou foi o fato de que a Dru é um tanto quando prolixa! Pode ter certeza, eu não fui a única! Ela fala do pai muiitaaas vezes, faz umas perguntas várias vezes também, mesmo a pessoa já tendo respondido, e tem umas divagações repetidas, é como se toda vez que ela tomasse uma decisão, você não devesse acreditar nela, porque ela vai voltar voltar atrás e ficar confusa sobre ter tomado a decisão certa ou não. Mas quando você pega o ritmo da leitura, isso é uma coisa que acaba passando batida.

Tirando essas coisinhas, Strange Angels é um livro muito bom, o idéia da autora foi muito legal, tudo com um toque para lá de paranormal e personagens que se não tivesse uma coisinha especial, seriam como eu e você, o que é bem legal se considerarmos que anda difícil se identificar com algum personagem ultimamente, a não ser que você seja um vampiro que brilha, uma Bella que atrai problemas, ou qualquer outra menina que atraia qualquer coisa estranha. Parabéns Lilith, aguardarei a continuação!

Uma coisa que eu li muito, é que esse livro lembra muito a série Super Natural, então se você é fã, não perca esse livro viu!

Agora Editora Novo Século, parou heim! A tradução desse livro deixou MUITOOO á desejar, têm umas frases que não fazem o mínimo sentido, e uma gírias que simplesmente não deveriam estar ali. O inglês é uma língua onde tudo soa bem, onomatopéia vira verbo e por aí vai, português NÃO! Muitas coisa que dava certo no livro original, não deu aqui, sorry. E o que foi esse uso de ‘CÊ’ ao invés de ‘VOCÊ’, quando aparece o primeiro CÊ no livro, o negócio desembesta e não para mais, e ainda têm umas gírias nada a ver tipo ‘sussa’, desculpa tradutor, mas os tempos mudaram. Então minha recomendação é uma revisão nessa tradução, porque não está dando, tem umas coisas BEEEMM estranhas!

Eu sugiro que você leia, e tire suas próprias conclusões, como se nunca tivesse lido essa resenha na sua vida! Depois volta aqui, e fala com o que concorda ou discorda! :)

Não esqueça de assinar a Newsletter ( aqui do lado >> ) e ativar o blog no seu RSS (aqui do lado também >> ) para não perder as atualizações! :) E para compartilhar em outras redes sociais basta clicar em Leave a Comment ( aqui embaixo) que vai aparecer os plugins para todas as redes !!  s2